Topo

Blog do Dr. Kalil

Seguir

AVC: geralmente é possível identificar os primeiros sinais

Roberto Kalil

21/10/2019 04h00

No vídeo desta semana, convidei o médico neurologista Rogério Tuma para explicar o que é o Acidente Vascular Cerebral (AVC), também conhecido como derrame. Há três tipos da doença.

  • Hemorrágico: quando há sangramento dentro do cérebro
  • Isquêmico: quando há obstrução dos vasos que irrigam o cérebro
  • Isquêmico transitório: quando há obstrução, ou seja, a chamada isquemia, ou redução súbita do fluxo sanguíneo para determinada região do cérebro — temporariamente. Não chega a matar as células cerebrais.

O que nem todo mundo sabe é que, geralmente, o corpo dá sinais antes de acontecer o AVC. Entre os principais, problemas repentinos na fala, cognição, visão ou tato.

Hoje, existe a possibilidade de injetar drogas específicas para dissolver um possível coágulo — claro, a depender de cada caso.
Por isso, quanto mais cedo identificado, maiores as chances de interromper o AVC.

Para explicar melhor sobre a doença, tipos, causas, sintomas e possível reversão, convido a todos para assistir ao vídeo acima.

Sobre o Autor

Roberto Kalil Filho é médico cardiologista, professor titular da disciplina de Cardiologia da Faculdade de Medicina da Universidade de São Paulo (FMUSP), presidente do Instituto do Coração (inCor/HCFMUSP) e diretor do Centro de Cardiologia do Hospital Sírio-Libanês. É responsável pelo portal de saúde Dr Kalil Coração & Vida, consultor do quadro Bem Estar, do programa ‘Encontro’, da Rede Globo, e estreou o programa Minuto do Coração, na Jovem Pan.

Sobre o Blog

Professor titular de Cardiologia, da Faculdade de Medicina da Universidade de São Paulo (FMUSP), Roberto Kalil Filho vai falar sobre saúde do coração, e de outros temas relacionados a bem-estar, como longevidade, exercícios físicos e alimentação saudável. Dr.Kalil, que também preside o Instituto do Coração (InCor) e dirige o Departamento de Cardiologia do Hospital Sírio-Libanês, em São Paulo, vai compartilhar sugestões para que os brasileiros vivam mais e melhor. E não é difícil. Segundo ele, basta ter uma rotina equilibrada e cuidar bem do coração.

Mais Posts